Prefeitura lança sistema "Empresa Fácil" na sede da Fecomércio

  • 02/Jul/2019

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Goiás (Fecomércio-GO) sediou hoje (2/7) o lançamento do sistema “Empresa Fácil”, desenvolvido pela Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetc). Estavam presentes o presidente da Fecomércio-GO, Marcelo Baiocchi, o prefeito de Goiânia, Iris Rezende, o secretário da Sedetc, Celso Camilo, e demais autoridades e empresários do Estado.

O objetivo do sistema, que já está em funcionamento, é facilitar a solicitação, acompanhamento e impressão de documentos pela internet. Em casos de baixo risco, promete conceder o alvará em até 24 horas após a solicitação.

Dando as boas-vindas aos presentes, Marcelo Baiocchi ressaltou a importância deste lançamento ser realizado na Federação, já que a entidade representa a casa dos empresários goianos.  “Estamos sempre de braços abertos, principalmente, em projetos que envolvam produção, geração de empregos e de renda, que tirem o Estado da estagnação por meio do trabalho”, afirmou.

Para Baiocchi, com o lançamento do Empresa Fácil, o poder público ajuda o empresário possibilitando mais agilidade e menos burocracia no processo de abertura de empresas. “Se o empresário começa a tocar seu negócio antes do previsto, gerando mais fluxo de caixa e avançando a economia”. O presidente, em seu discurso, também reforçou o crescimento do comércio em Goiânia, como na área da moda, que atualmente é o segundo maior mercado do País, perdendo somente para São Paulo.

O prefeito de Goiânia, Iris Rezende, afirmou o dever do poder público em acompanhar todas as evoluções nas diversas áreas de atividade humana. “O mundo vem experimentando, nos últimos anos, inovações fantásticas. Sendo assim, não podemos esperar, precisamos buscar o aproveitamento tecnológico para facilitar a vida da sociedade, como este sistema, que vai favorecer quem tinha que esperar muito tempo para conseguir um documento tipo o alvará”, resumiu Iris.

Lançamento
Durante a apresentação do “Empresa Fácil”, o secretário Celso Camilo explicou todo o funcionamento do programa, esclarecendo que os processos, solicitações e retirada de documentos, que só podiam ser feitos de forma presencial, demandando um prazo médio de 120 dias, agora são virtuais, podendo ocorrer em no máximo 60 dias. Alguns em até 24 horas, dependendo do grau de risco. 

O secretário afirmou ainda, que este sistema faz parte de um processo amplo de modernização da prefeitura, nos seus diversos setores. “Buscamos o que há de melhor em tecnologia, inovação, para melhorar a qualidade de vida do cidadão. Um dos indicadores internacionais de ambiente de negócio é o tempo gasto para se abrir uma empresa, com o Empresa Fácil, queremos melhorar este índice e aumentar a competitividade de Goiânia”.

COMENTÁRIOS

  • Não há nenhum comentário para está notícia. Seja você o primeiro a comentar!

ADICIONAR UM COMENTÁRIO


Central de atendimento

Possui alguma dúvida? Fale com Fecomércio!

BANNER | arq_banner_aleatorios/banner_aleatorios_1534427477.jpg
Google Maps Generator by embedgooglemap.net